Bolsonaro afirma que é preciso abrir mão de direitos trabalhistas para gerar mais emprego

O pré-candidato a presidência da republica Jair Bolsonaro (PSL) defendeu uma reforma trabalhista mais implacável para o Brasil. Bolsonaro esteve na abetura da 25ª edução Agrishow, em Ribeirão Preto, na segunda-feira (30).

Bolsonaro, em entrevista, afirmou que a Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) deve sofrer mudanças para o país voltar a gerar empregos. “O trabalhador tem que decidir: ou menos direitos e mais empregos, ou todos os direitos e menos emprego”. O deputado ainda disse que a legislação trabalhista vigente trava o aumento da arrecadação de receita do país.

Leave a comment

Deixe uma resposta