MANAUS FICA EM ALERTA COM SUBIDA DO RIO NEGRO E 32 CIDADES JÁ SE ENCONTRÃO EM SITUAÇÃO DE EMERGÊNCIA

O rio Negro subiu mais três centímetros nesse fim de semana. Segundo dados do porto de Manaus, o aumento do nível do afluente que obteve ontem, a marca de 28,95 metros, foi de um centímetro por dia, mas mesmo em estado de alerta, o rio está com 1,02 metro a menos da cotaзгo da cheia histórica de 2012.

Os municípios de Parintins e Manaquiri passaram a compor a lista das cidades em situação de emergência por conta da cheia no Amazonas. Agora são 32 municípios que estão em situação de anormalidade devido à subida dos rios no estado.

Em Manaquiri a subida da calha do rio Solimões começou a causar transtorno para a vida dos moradores. Já em Parintins foi a calha do Baixo Amazonas que apresentou subida nos últimos dias.

O levantamento feito pela Defesa Civil do Amazonas aponta que são 57.826 mil famílias atingidas pela enchente. Na última quarta-feira (24), as cidades de Maraã, Urucurituba e Careiro Castanho decretaram situação de emergencia.

A Defesa Civil iniciou a segunda fase do atendimento às famílias afetadas. Somente nos municípios de Canutama, Caapiranga e Coari, foram enviadas 78 toneladas de cestas básicas além de kit’s dormitórios, kit’s higiene, kit’s limpeza, kit’s medicamentos, colchões, água e hipoclorito de sódio.

Na segunda-feira (29) o órgão encaminhou Carauari e Juruá, 50 toneladas de cestas e ainda, kit’s dormitórios, kit’s higiene, kit’s limpeza, kit’s medicamentos, colchões, água e hipoclorito de sódio.