VIOLÊNCIA DESENFREADA: POLÍCIA REGISTRA TRÊS MORTES EM MENOS DE 30 MINUTOS

Cada vez mais violenta, a Zona Norte de Manaus somou três mortes em menos de meia hora na noite desta quarta-feira (19). Policiais militares das Companhias Interativas Comunitárias (Cicom’s), que atendem a área, foram acionadas imediatamente pelo Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops) – órgão da Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM).

O primeiro caso foi  de uma mulher, conhecida apenas como “Rosângela”, que levou um tiro na cabeça e morreu na hora. A moça estava trajando uma blusa verde e um short. O celular, que supostamente era da jovem, foi encontrado em cima do corpo. O crime ocorreu atrás da igreja Santa Clara, próximo da estação do ônibus 418, no conjunto Oswaldo Frota, bairro Cidade Nova. Ainda não se sabe o motivo do homicídio.

Torquato Tapajós

Após uma tentativa frustrada de assalto, na avenida Torquato Tapajós, próximo a Nova Igreja Batista, dois suspeitos foram baleados. Segundo informações de moradores, os dois estariam fazendo um arrastão na no local utilizando uma motocicleta.

Ainda segundo testemunhas, um morreu na hora e o outro foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Não há informações sobre a identificação dos homens. Há ainda uma informação de que eles estavam sendo seguidos por outros dois homens em outra motocicleta, mas a polícia não quis comentar o caso.

Cidade de Deus

Um homem, ainda não identificado, foi alvejado na rua Nossa Senhora de Fátima, conjunto Braga Mendes, bairro Cidade de Deus. Ainda não se sabe o motivo do homicídio e nem o nome da vítima.

No entanto, segundo testemunhas, ele era conhecido como “Branquinho”. O Instituto Médico Legal (IML) foi acionado e iniciou a remoção dos  corpos. Investigadores da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (Dehs) investigam os casos.

Fonte: EM TEMPO