Suspeitos de matar motorista de aplicativo e abandonar corpo em terreno são presos, no AM

Crime aconteceu no final de setembro, em Manaus. Quatro homens acusados de latrocínio foram presos nesta terça-feira, em Presidente Figueiredo.

Foram presos, na manhã desta terça-feira (16), os suspeitos de terem roubado e matado o motorista de aplicativo Sidney Barbosa de Araújo, de 41 anos. Ele foi encontrado morto no dia 28 de setembro, em Manaus. Os suspeitos foram presos em Presidente Figueiredo (a 126 km de Manaus).

Quatro homens foram presos na operação chamada “Rota 99”, onde são cumpridos mandados de prisão expedidos pela justiça contra uma organização criminos envolvida em roubos de veículos e latrocínios na cidade de Manaus.

Sidney Barbosa foi brutalmente assassinado na capital amazonense no final de setembro. Após passar dois dias desaparecido, ele foi encontrado morto em um terreno baldio no bairro São José Operário, na Zona Leste de Manaus. A vítima tinha uma faca cravada em um dos olhos, segundo a polícia.

A operação deflagrada na manhã desta terça-feira segue com diligências em Presidente Figueiredo, sob a Coordenação dos Delegados Cícero Túlio (DERFV) e Raul Neto (12° DIP).

Fonte G1 AM